• PET Eng. de Produção

Você sabe o que é 5S?

Você já ouviu falar sobre 5S?



Os 5 Sensos

Durante o pós-Segunda Guerra Mundial os produtos japoneses, diferentemente da conjuntura atual, eram reconhecidos como mal-acabados e de péssima qualidade. Sendo assim, no Japão da década de 50 existia a necessidade de se criar um sistema que facilitasse o funcionamento das fábricas e que derrubasse por terra a reputação de que seriam desorganizadas, sujas e poluídas. Assim nasceu uma filosofia composta por cinco sensos, o Programa 5S: com a missão de reestruturar e disciplinar o plano fabril japonês.


Disseminado pelo mundo, o 5S hoje constitui a base da pirâmide para alcançar a qualidade total e por isso se enquadra dentro do Sistema de Gestão da Qualidade.

Os cinco sensos que dão nome ao programa são:


  • Seiri : "Separar o útil do inútil, eliminando o desnecessário".

O senso de utilização consiste em identificar objetos e atividades realizadas no espaço de trabalho e validar a sua utilidade. Dessa forma, o que é julgado inútil por regras pré-estabelecidas deve ser descartado. Tal atitude acarreta na otimização não somente de espaços, mas como também de tempo na hora de realizar tarefas, reuniões e elimina burocracias desnecessárias.


  • Seiton : “Identificar e arrumar tudo, para que qualquer pessoa possa localizar facilmente”.

O senso de ordenação é o responsável por ordenar aqueles materiais que após o senso de utilização, foram considerados úteis. É nessa etapa que os objetos ganham seu devido espaço físico, de modo a organizar e otimizar os espaços disponíveis. É pressuposto que o lugar destinado seja de fácil acesso, de modo a fazer com que seja possível achar e pegar tudo que for necessário em 30 segundos, deixando a maior quantidade de coisas a vista.


  • Seiso: “Manter um ambiente sempre limpo, eliminando as causas da sujeira e aprendendo a não sujar”.

O senso de limpeza vai muito além do que o próprio nome diz. O espaço limpo, se torna decorrência do ambiente ideal. Nesse sentido “ambiente ideal” significa além de manter o local de trabalho limpo, mantê-lo agradável para os trabalhadores. Sendo assim, devem-se estipular rotinas de manutenção da limpeza e também devem ser feitas eventuais faxinas.


  • Seiketsu: "Manter um ambiente de trabalho sempre favorável a saúde e higiene".

O senso de saúde vem do pressuposto de que quanto mais satisfeitos com o ambiente em que trabalham, mais eficiente os trabalhadores serão. A ideia é desenvolver mecanismos que proporcionem a todos conforto físico e mental, através de ações estratégicas que possibilitem o crescimento pessoal e o desenvolvimento de habilidades.


  • Shitsuke: "Fazer dessas atitudes um hábito, transformando os 5S num modo de vida".

O senso de autodisciplina consiste em desenvolver na empresa e nos funcionários a cultura de manter o ambiente de trabalho tão agradável quando gostaria. Essa cultura abrange desde melhorias físicas como limpeza e organização, como também a boa atmosfera entre os trabalhadores.


Dessa maneira, percebe-se que o Programa 5S vai muito além de simplesmente manter a sala, o escritório ou chão de fábrica limpos organizados. É, na verdade, a estruturação de uma maneira de tornar o ambiente de trabalho otimizado e agradável, com o objetivo de fomentar a criatividade, proatividade e

eficiência de seus funcionários.




Por Anna Clara Ribeiro

129 visualizações

CONTATO

Universidade Federal de Santa Catarina

Campus Trindade

R. Dep. Antônio Edu Vieira - Trindade, Florianópolis - SC, 88040-535, Brazil.

petepsufsc@gmail.com

(048) 3721-7060

  • Black Facebook Icon
  • Black LinkedIn Icon
  • Black Instagram Icon

© Desenvolvido pelo grupo de Marketing 2017.2 e revisado pelo grupo de Marketing 2020.1